Avançar para o conteúdo principal

coisas que me tiram do sério

Vinha aqui falar do quão me irrita a mania "modernazinha" dos taxistas de, com inegável soberba, á pergunta "Quant é" responder com expressão misto blasé  misto soberba "O que marca" (o que raio que vos parta ó mal educados, sempre a mugirem que não há clientes, que as pessoas não têm dinheiro, que a gasolina está cara, que o metro vai até ao aeroporto).

Mas depois li a noticia de um individuo que matou à facada a mulher por ciumes. E que, sendo anafabeto, punha um dos filhos, de 11 anos, a ler as SMS da mulher em busca de sinais do romance com um amante e de uma eventual separação.

Perante um pai que usa os filhos num esquema perverso de crime, benzadeus.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Do acosso

Este calor que se abateu com uma força agressiva consome qualquer resistência.  O suor clandestino esbate vergonha e combate qual sabre as dúvidas.  A noite feita à medida de libertinos cancela as vozes interiores que alertam para mais uma queda dolorosa. A brisa quente atordoa, embriaga no contacto com a pele. O tempo pára, as palavras suspendem entre olhares que sustentam no ar tórrido toda a narrativa; qual pornografia sem mácula, mas plena de pecado. A lua cheia transborda e dá luz à ausência de sanidade que percorre no corpo. Tudo parece possível, uma corrente de liberdade atravessa-nos com o sabor do quente esmagado. E, mesmo assim, pulsa algo mais intenso. Mais derradeiro. Mais dominador. Mais perverso que o toque dos dedos. Mais agressivo que a temperatura irrespirável. O freio da impossibilidade.  A intuição luta com o medo e na arena o medo mesmo que picado tem sempre muita força. O medo acossa-nos.

na verdade, estou lá (4)

Villa Amanda The Corridor - Blue Sea, Cabo San Lucas, Mexico via Luxuary Retreats

na verdade, estou lá (6)

Calandra Porto Rotondo, Sardinia, Italy via Luxuary Retreats