sábado, 30 de novembro de 2013

Antes, eu duvidava...

Achava impossível moi même não conseguir sentir-me inebriada pelo espirito natalício independentemente dos desafios que a vida me fosse colocando. 

E foram sendo vários, muitos deles mesmo na época festiva. 

Mas Natal era Natal e havia que entrar em Dezembro ao som do Jingle Bells e, durante o Advento, 25 dias que fossem, entrar na onda.

Pois bem, Xmas Spirit is dead. Basta ter uma vida e ir levando com ela nas trombas. 

Portanto, eis que é possível. 


Sem comentários: