sexta-feira, 27 de julho de 2012

Oops! esqueci-me do varão

Pode-se ser boa todas os dias, fazer parar o transito e tal & tal...

Mas a sofisticação é algo que não está, de facto, associado ao metabolismo acelerado, aos tratamentos do Humberto e ao silicone.

Cláudia Borges, do Fama Show da Sic, é um susto. Nunca, mas nunca tem um ar "lavadinho". Pode ser um amor de moça, mas benza-a deus e aos seus modelitos "vou ali fazer uma lap dance, venho já!".

Tem sempre que mostrar muita perna, ter a roupa bem colada ao rabo, o que até podia ser minimamente aceitável se os vestidos sexy fossem também engraçados ou sem ar de poliéster. Depois o cabelo nunca tem a ondulação gira, é sempre um estilo piroso e as poses .. bem, de fugir.

Olho para a rapariga e imagino-a namorada de um gajo que malha ferro, cheio de músculos, estilo armário ambulante, que se passeiam num carro cheio de tunning.

PS. e os sapatos?

2 comentários:

teardrop disse...

O vestido e acessórios não foram grande escolha...

Mary disse...

Ah, ah, ah! Tal e qual.