quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

contributo para a natalidade

A serem verdade as palavras de Nietzsche, de tanto caos interior, já pari um numero bem mais do que suficiente de estrelas que dançam para abrir um corpo de baile.

E, é isto!


Sem comentários: