sábado, 18 de abril de 2009

surreal

in Agencia Financeira

Empresas foram nacionalizadas para não falirem: Fannie Mae e Freddie Mac pagam bónus de 210 milhões

Caso semelhante aconteceu na AIG

A Fannie Mae e a Freddie Mac, instituições norte-americanas de crédito à habitação que tiveram de ser nacionalizadas para evitar a falência, vão pagar, ao longo de três anos, 210 milhões de dólares (157 milhões de euros) em bónus.

No ano passado, as duas empresas pagaram mais de 50 milhões de dólares (37 milhões de euros) em prémios e, para 2009 e 2010, têm planeado distribuir mais 160 milhões de dólares (119 milhões de euros) em bónus.

MAS

Mais dinheiro público pode ser canalizado para as duas instituiçõesAs instituições norte-americanas de crédito hipotecário Fannie Mae e Freddie Mac podem vir a necessitar de ajudas adicionais de 200 mil milhões de dólares (144 mil milhões de euros) do plano de apoio ao sector financeiro.

Se as condições do mercado imobiliário continuarem a deteriorar-se, as duas empresas poderão vir a sofrer bastante com isso, segundo a Agência Federal de Financiamento de Habitação.
Dados da Bloomberg revelam que o mercado da habitação sofreu uma depreciação de 3,3 mil milhões de dólares (2.558 mil milhões de euros).

E

Tesouro dos EUA recomenda eliminar Fannie Mae e Freddie Mac

Medida poderia facilitar aquisição de casasO secretário do tesouro dos EUA, Henry Paulson, recomendou encerrar os gigantes imobiliários Fannie Mae e Freddie Mac, que receberam a ajuda do governo, e trocá-los por uma ou duas entidades privadas com garantias públicas, informa a agência «Efe».

Segundo explicou Paulson, essa ou essas entidades comprariam e titularizariam hipotecas, algo que facilitaria o crédito e a aquisição de casas por parte dos americanos, pelo que não poderiam manter carteiras de investimento.

Assim, o governo avaliaria essas hipotecas e uma comissão determinaria as taxas de rendimento que essas entidades privadas iriam receber.

Sem comentários: