Avançar para o conteúdo principal

sou kinky e não sabia

Há meses que recebo newsletters / convites para sex parties, via email. 

Ora, eu não sou gaja dada ao tudo ao molho e fé em deus; não saio à noite há uns 5 anos (não faço, pois, parte de mailing lists do quer que sejam os night spots que existam); não sendo propriamente puritana (cada um faz o que quer com cada cantinho da sua anatomia desde que não prejudique os demais) também não sou especialmente adepta do "bardajona" style; não vivo no Porto, nunca vivi, há quase 2 anos que não vou ao Porto (onde estas festas decorrem... nota mental: esta gente do norte, muita frente)... Portanto, sem criticas, a minha questão é, PORQUÊ EU?

Analisemos o convite (e aviso já que nunca cliquei no "aqui" para ver imagens das festas que já ocorreram), portanto escusam de perguntar, que não sei!

___________________________________________

Caro/a MNC,

Tomamos a liberdade de lhe enviar as informações detalhadas sobre à 3ª Edição do evento “Qual é o Teu Fetiche?”.

Agendado para Sábado, 8 de Dezembro a partir das 23h45, o evento será realizado no .............., na Baixa da cidade do Porto.

Depois do sucesso da última edição em Julho de 2012 a festa chique e atrevida, que decorre sob o tema Qual é o teu fetiche?, está de regresso ao fabuloso ................... O dress code exigido é sexy. Aos que pretendem aderir, convém saber que rendas, corpetes, cabedais, quimonos e acessórios, como máscaras, chapéus e chicotes, são bem-vindos!

Para estar na guest-list do evento deve:

Enviar os nomes para guestlist@?????.com.pt

Condições de acesso atráves da guest-list:

HOMENS: 15€ c/ oferta de 1 Heineken

MULHERES: 10€ c/ oferta de 1 Heineken


Pode tambem adquirir os bilhetes de pre-venda com valor reduzido. Deve utilizar um dos seguintes métodos:

1. Através de um dos RP's do evento. A lista completa encontra-se na descrição do evento no facebook: AQUI!

2. On-line através da plataforma LAST2TICKET no link: AQUI!

Custo pré-venda:

HOMENS: 15€ c/ oferta de 2 bebidas (1 bebida branca + 1 Heineken)*

MULHERES: 10€ c/ oferta de 2 bebidas (1 bebida branca + 1 Heineken)*

* A bebida de oferta Heineken, é válida mediante entrada antes das 2.30h.

No dia: 15€ sem bebidas de oferta válidas.


Relembramos algumas informações importantes:



• O dress code exigido é sensual e chique. Aos que pretendem aderir agora pela primeira vez, convém saber que rendas, corpetes, cabedais, quimonos e acessórios, como máscaras, chapéus e chicotes, são bem vindos. Tudo isto, claro, com requinte e bom gosto. Aconselhamos estarem vestidos de acordo com o tema da festa! Caso deseje pode usufruir de um desconto de até 20% na Casa D'Eros, na apresentação do convite do evento.

• Recomendamos que chegue ao local do evento entre a 1h e 2h AM.
• Recomendamos a utilização de taxi.
• Video-report da 2ª Edição do “Qual é o Teu Fetiche?” AQUI!
• Video-report da 1ª Edição do “Qual é o Teu Fetiche?” AQUI!


Qualquer dúvida ou informação adicional sobre o evento, pode ser enviada para o endereço de e-mail: info@zzzzz.com

Contamos consigo!
Obrigado,
_____________________________________________________


Primeiro, o dress code - sexy mas com bom gosto. Isto é mesmo pretensioso. Para quê tanto mimimi se é para sacar a vestimenta toda e dar uma de Studio 54 à "beira" de todos? 

Vá, lingerie La Perla ou Agent Provocateur e tragam sex toys. Não se aceitam gajos com boxers pirosos e pelos. Ponto. Assim, muito melhor!

Depois, os preços. O valor parece-me baixo para uma coisa de jeito, sinceramente. O mais certo é aparecerem lá os coirões dos coirões, as candidatas à Casa dos Segredos e cromos da bola da liga orangina, carago. A pedra de toque da falta de sofisticação desta soirée orgástica que mais parece de sociedade recreativa do bingo do Boavista (que deus o tenha) é a cerveja Heineken. 

Oi? E champanhe Veuve Clicquot a rodos, pelos corpos já em batalha pelo suanço, nada? Cerveja?! Really? Vai tudo acabar a noite num motel qualquer do Reinaldo Teles, não?

A sério, a convidarem-me para eventos deste calibre que seja uma coisa de JEITO e não as 50 Sombras do Bolhão, caraças. 




Comentários

Maura Teixeira disse…
Ahaha. Desculpa, mas não resisti a dar umas gargalhadas. Principalmente com a tua última frase xD
Mónica disse…
Não tem nada quedeis desculpa. Rir é do melhor que podemos fazer na vida
Mnc
Dulce disse…
ahahhah genial!!!! Nada contra este tipo de eventos... mas esse tem tudo para ser as 50 Sombras do Bolhão, tem... :)

Mensagens populares deste blogue

Dos maldiitos

via boudoir photography

Agora acordo com mensagens que iluminam o telemóvel e em que dás conta de como pensas em mim antes de dormir. E que o queres partilhar comigo porque agora sentes saudades minhas. Agora recebo telefonemas sem hora nem expectativa e a voz é meiga e quente. Não ouço nada do que dizes, as palavras apenas são ditas mas há muito que já não têm peso ou impacto.
Antes foi a indecisão. O jogo dos que não se comprometem, que querem atalhos facilitados para um espaço confortável de repouso, salvação emocional momentânea, ilusão de pertença. Egoísta forma de ser que suga o querer dos outros para se sustentar, para sentir uma rede rápida de carinho e abraço mas que reclama para si a indisponibilidade de reciprocidade. Para quê? Se vos é dado grátis um sentimento para que serve o esforço de lutar por ele, qual o propósito de envolvimento, de estar, dar a mão, partilhar silêncios e perder a possibilidade de ter mais e mais, melhor, diferente, sempre mais, outras.
Era assim, ante…

Do arrebatamento

O vestido caiu facilmente. Estava apenas preso pelas alças nos ombros magros e deslizou com vontade declarada pelo corpo, até ao chão, enquanto ela acendia uma única luz de presença.

Beijou-lhe o ventre. Sentiu-o a tremer. Antecipação. Expectativa. Sentia-lhe o calor sem sequer tocar. Era como uma fonte inesgotável de desejo prestes a desmoronar-se com um toque. Os dedos enfiaram-se entre a pele e a linha das cuecas de renda fazendo-as sair com mestria. Estava liberta, da máscara de tecidos, não das demais camadas de protecção. Tal não a impedia de arfar baixinho e com satisfação sob um rosto que perdia vergonha a cada caída da cabeça para trás.


Nua, encostada à parede fria, costas arqueadas, totalmente exposta viu-a a desmontar-se com cuidado ao primeiro beijo que se colou à boca como dali não houvera saída. Era intenso, forte, penetrante o modo como ela o arrastava para si com a língua e uma perna em torno da cintura.


Todo aquele momento era primário, selvagem, sem travões ainda que, e…

Das razões

Quero-te pela desarrumação incompreensível que somos. Quero-te pela forma como me procuras à noite na cama, ainda a dormir, de modo instintivo, apenas para te recostares do mundo e amaciares no meu calor. Quero-te (tanto) quando sais do mar, feliz e salgado, qual criança livre agarrado à prancha como se fosse o teu bem mais precioso, a tua melhor amiga, a porta para o teu refúgio. Quero-te pelos beijos inesperados, lentos, que invadem qual descarga eléctrica, e afirmam sem hesitações desejo e amor. Quero-te pela forma como te afundas num livro e tudo à volta entra em pause-still e, mesmo assim, de repente tocas-me no joelho, no cabelo, dás-me a mão. Quero-te porque sei que acreditas em mim e não me questionas, crês que posso mudar o mundo. Quero-te pela tesão, confiança, cumplicidade e pelas saudades que temos, ainda, sempre, um do outro. Quero-te por te rires quando começo a cantar músicas que gosto e ouço a tocar, esteja onde esteja. Quero-te por dançarmos na rua se preciso entre ga…