segunda-feira, 24 de junho de 2013

Admito, não sou assim

Eu tento. Já muito pouco. Mas tento. 

Olho para pessoas de quem gosto, pessoas com quem simpatizo, pessoas que conheço, pessoas assim-assim, pessoas que apesar das contrariedades, das dificuldades, do nervoso miudinho do dia a dia, parece que isso lhes passa ao lado e demonstram sempre uma nesga, um rasgo, uma entrega. 

Isso é de valor. Não sei como raio conseguem. 

Sem comentários: