quinta-feira, 30 de junho de 2011

Desertinha de lhes pôr as mãos em cima!



«O Tempo entre Costuras» é a história de Sira Quiroga, uma jovem modista empurrada pelo destino para um arriscado compromisso; sem aviso, os pespontos e alinhavos do seu ofício convertem-se na fachada para missões obscuras que a enleiam num mundo de glamour e paixões, riqueza e miséria mas também de vitórias e derrotas, de conspirações históricas e políticas, de espias.
Um romance de ritmo imparável, costurado de encontros e desencontros, que nos transporta, em descrições fiéis, pelos cenários de uma Madrid pró-Alemanha, dos enclaves de Tânger e Tetuán e de uma Lisboa cosmopolita repleta de oportunistas e refugiados sem rumo."



"A biógrafa vencedora do Prémio Pulitzer traz de regresso à vida a mulher mais intrigante da história mundial: Cleópatra, a última rainha do Egipto. Cleópatra foi uma hábil estratega e negociadora que reformulou os contornos do mundo antigo. O seu palácio fervilhava de intrigas políticas e sexuais. Casou-se duas vezes, com dois dos seus irmãos. Iniciou uma guerra civil contra o primeiro e envenenou o segundo. Cleópatra terá tido relações sexuais apenas com dois homens: Júlio César, de quem teve um filho, e Marco António, de quem teve três filhos. Por essa altura era já a soberana mais rica do Mediterrâneo e a mulher mais influente da época. Com Marco António, tentou forjar um novo império numa aliança que conduziu à destruição de ambos. Famosa antes de se tornar lendária, Cleópatra tornou-se uma figura histórica - Shakespeare e Shaw deram-lhe uma voz; Miguel Ângelo, Tiepolo e Elizabeth Taylor deram-lhe um rosto. Mas desconhecemos a sua verdadeira personalidade. Num regresso magistral às fontes clássicas, Stacy Schiff separa os factos da ficção, de forma a resgatar esta rainha fascinante, cuja morte trouxe uma nova ordem mundial, uma geração antes do nascimento de Cristo. Rico em pormenores e com uma abrangência impressionante, esta é a reconstituição profundamente original de uma vida deslumbrante."





Sem comentários: